Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de imprensa Notícias 2014 março 2014 Casa Cor Alagoas inicia exposição e atividades nesta sexta-feira
26/03/2014 - 11h15m

Casa Cor Alagoas inicia exposição e atividades nesta sexta-feira

Com 800 empregos gerados e muitas oportunidades de negócios à vista, mostra espera 20 mil visitantes

Casa Cor Alagoas inicia exposição e atividades nesta sexta-feira

Exposição na Casa Cor Alagoas vai gerar 800 empregos diretos e indiretos nos 45 dias de duração (Fotos: Thiago Sampaio)

A primeira edição da Casa Cor Alagoas abre suas portas para visitação do público nesta sexta-feira (28), com uma área de mais de 16 mil m², construída na antiga instalação do Colégio Batista, no Alto do Farol. Considerada uma das mais completas mostras de arquitetura, decoração e paisagismo, ela vai gerar cerca de 800 empregos diretos e indiretos nos seus 45 dias de duração, e muitas oportunidades de negócio.

 

O governo do Estado apoia o evento, que evidencia em cada cômodo as belezas da arte popular alagoana.

 

De acordo com a empresária Gláucia Medeiros, há algum tempo Alagoas já esboçava aptidão para abrigar um evento especializado como a Casa Cor, o que demonstra o crescimento qualitativo de profissionais da região. Ela lembrou ainda a importância da parceria com o Governo de Alagoas para a concretização do evento.

 

“Toda ação que envolve público não pode ser realizada sem a ajuda do Estado, e o governo de Alagoas não nos faltou em nenhum momento. Juntos, estamos promovendo um belo evento, para ressaltar o crescimento de todos os segmentos que a Casa Cor envolve, como a arquitetura, movelaria, artesanato, decoração e por que não o de moda e gastronomia?”, declarou Gláucia.

 

Sucesso de adesão de profissionais, a Casa Cor conta com 79 expositores em 48 ambientes e espera mais de 20 mil visitantes. Antes mesmo do primeiro cômodo, no hall de entrada, o público poderá conferir a exposição de grandes mestres artesãos. Nomes como João das Alagoas, Antônio de Dedé, Zezinho e Raimundo Batista estão com suas obras à mostra.

 

De acordo com a diretora de Design e Artesanato da Secretaria de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico (Seplande), Dyslene Teles, o objetivo da exposição é divulgar a arte popular de forma sofisticada. “Muitas dessas peças já são comercializadas com essa visão, então elaboramos um espaço para mostrar não só aos arquitetos, mas aos turistas e alagoanos como o nosso artesanato é rico e pode fazer o diferencial na decoração”, disse.

 

O Programa de Arranjos Produtivos Locais (PAPL) também está presente nesta edição da Casa Cor, em um espaço assinado pela arquiteta e urbanista Adriana Codá, dentro do estande do Sebrae. Empresários dos APLs Móveis de Maceió e do Agreste produziram móveis para três ambientes: Varanda Gourmet, Cozinha/Área de Serviço e Quarto de Serviço. Eles também ganharam destaque com o artesanato dos APLs Turismo Costa dos Corais, Lagoas e Mares do Sul e Caminhos do São Francisco.

 

“Procuramos trazer Alagoas para esse espaço, exaltando nossa cultura e mostrando como a produção de móveis em Alagoas está avançada. Temos um material de qualidade, que chegou a concorrer a prêmios, e o artesanato local dá todo o charme no ambiente”, explica Adriana.

Vitrine de tendências e novidades, a Casa Cor desembarca em Alagoas respirando a cultura local. O evento pode ser prestigiado pelo público até o dia 11 de maio, das 16h às 22h, mediante porte do ingresso de R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia entrada).  

 

 

Fonte: Agência Alagoas

Ações do documento